Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
VOLTA ÀS AULAS NA PANDEMIA
08/10/2020 17:00 em Dia a Dia

Guia elaborado pelo Ministério da Educação (MEC), lançado quarta-feira (07/10), visa orientar a voltas às aulas presenciais, as recomendações são feitas de acordo com cada Estado e município.

O guia elaborado, segundo o MEC, conta com orientações de órgãos internacionais como Organização Mundial da Saúde e Unicef e com sugestões de entidades da educação. Seu propósito é a recomendação do retorno às aulas presenciais em cada Estado de acordo com uma tabela de cores, que avalie o nível de transmissão em determinada região.

Se a região está, por exemplo, na cor verde os casos de covid-19 são esporádicos, portanto todas as escolas estariam autorizadas a reabrir ali. Caso a região ainda tenha transmissão comunitária, cai na cor vermelha e é preciso fazer avaliação de risco para reabrir as escolas. Lembrando que depois de abertas elas podem vir a fechar caso o número de casos de coronavírus aumente. A autonomia sobre isso, porém, é das autoridades locais.

O MEC traz orientações sobre medidas de triagem e segurança sanitária a serem adotadas nas escolas e no transporte público rumo às escolas.

Há muitos desafios para a voltas às aulas, tornando essencial acolher emocionalmente professores e estudantes "Isso para que a volta às aulas não seja mais um trauma", diz Daniel Cara, professor da Faculdade de Educação da USP e membro da Campanha Nacional pelo Direito à Educação.

As desigualdades estruturais das escolas também pode ser um problema, assim, uma parcela considerável de professores tem resistido à volta às aulas presenciais em diferentes partes do país, afirmando que suas escolas não têm condições físicas para garantir o isolamento social e para pôr em prática as medidas de biossegurança.

De modo geral, as escolas terão de fazer um rodízio entre os estudantes que frequentam as aulas presenciais, para evitar aglomerações nas salas de aula. Na prática, redes e escolas podem substituir as aulas presenciais pelas remotas, ou combinar ambos.

 

Sara Lambert Estudante do 1° período de Jornalismo da Universidade Federal de Ouro Preto

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!